ADIRES VAI REQUERER PAGAMENTO DE EXTENSÃO DE CARGA HORÁRIA PARA DIRETORES COM UMA CADEIRA.

Ciente da necessidade de valorização dos diretores escolares que têm somente uma cadeira, o Jurídico da ADIRES por determinação do Colegiado Executivo irá requerer ao Poder Judiciário que seja reconhecido aos associados que no cargo originário de professor só tem uma cadeira que receba a complementação de carga horária, considerando que o regime mínimo de trabalho na gestão escolar são de 40 horas, como explica o Diretor de Comunicação da Entidade Romullo Ronne (EEEFM Arlindo Ferreira Lopes).

“Nós temos ciência de que parte dos diretores têm duas cadeiras e que além da remuneração como professor recebem a gratificação de direção escolar. Esses profissionais têm o mesmo desgaste que o associado que têm uma cadeira e também trabalham no mínimo 40 horas semanais”.

O Advogado da entidade – Amarildo Santos, esclarece que no primeiro momento serão propostas 20 ações, com o objetivo de entender como os Juízes afetos a matéria irão analisar e compreender a tese defendida pela ADIRES. Posteriormente iremos propor as demais ações para todos os associados em situação análoga”.

Diante da sistemática, o Colegiado da ADIRES requer que vinte associados que cumulativamente atuam em escolas com dois ou três turnos, que tem 1 vínculo, encaminhe para a sede da ADIRES a Portaria de nomeação, Portaria de tipologia que comprove a quantidade de turnos. Demais documentos serão solicitados pela ADIRES de forma individualizada. t()?[m,h]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *